Historias de Sucesso – Diego Andrade

Notícias novembro de 4 de 2010 - 17:33

DiegoQuando a escolha certa faz a diferença

Egresso do Curso de Sistemas de Informação, 22 anos, Diego tem vasta experiência na área que escolheu, olhar generoso e gestos simples de quem não se deixa envaidecer

“Não vos preocupeis com o dia de amanhã, pois o amanhã terá as suas próprias preocupações”, diz o evangelho de Mateus. É assim que procura viver Carlos Diego Andrade de Almeida, esculpindo a sua história a cada dia, com a tranqüilidade de um sábio e a paciência de um artesão.

Pertence a uma família de três irmãos, mas ressalta que agora são quatro, porque tem um primo que vive em casa e considera “mais um irmão”. Carlos Diego é filho da bibliotecária Vânia Andrade, que trabalha na Faculdade Christus. A família teve um papel fundamental na sua escolha profissional, pois quando tinha 8 anos já era o responsável pelo computador da casa; aí, se acontecia algum problema com a máquina, ele era responsável pelo conserto. “Isso ajudou na minha formação. Ali eu aprendi o que era responsabilidade, também aprendi a ser teimoso, porque o profissional de informática tem que ser teimoso, tem que insistir”, comenta.

Durante o curso sempre esteve próximo dos professores, conversava com eles sobre diversos assuntos; quando precisou de apoio sempre buscou e conseguiu. Conta que uma vez ele e um amigo solicitaram junto à Faculdade um curso de “Java” (tipo de linguagem de programação) para a WEB. Professores e coordenadores reconheceram a importância do que desejavam e o curso foi realizado. “Hoje eu e meu amigo estamos empregados e trabalhamos justamente nesta área”, diz.

Carlos Diego Andrade de Almeida foi monitor acadêmico, no quarto semestre de faculdade tornou-se estagiário do Banco do Nordeste (BNB), depois trabalhou profissionalmente como analista de sistemas na Autarquia Municipal de Trânsito, Serviços Públicos e de Cidadania de Fortaleza (AMC) durante um ano. Após concluir o curso de graduação, voltou para o Banco do Nordeste, onde atualmente é “desenvolvedor”, ou seja, faz programação de computadores e desenvolve softwares.

Mestrando em Informática Aplicada, Carlos Diego está desenvolvendo pesquisa na área de engenharia de software. Logrou êxito em seleção para professor em uma instituição de nível superior, e ministra, atualmente, duas disciplinas no Curso de Sistemas de Informação. A vocação para a docência vem aliada à dedicação à programação. “Não imagino na minha área uma coisa sem a outra, um bom programador deve também realizar pesquisas”, conclui.

Apesar de tantas atividades, não esquece a importância da Obra Lumen na sua vida, onde coordena um grupo de jovens há 5 anos. No projeto católico de evangelização ele é músico e participa de diversas ações sociais. Foi na Obra, inclusive, que a docência surgiu pela primeira vez; lá despertou o interesse pela idéia de ser um facilitador na propagação do conhecimento.

Mídias Sociais

Unichristus
Unichristus 2018. Todos os Direitos Reservados.