Menu Principal

Coordenação de Mobilidade e Assuntos Internacionais

A Coordenação de Mobilidade e Assuntos Internacionais (COMAI) foi criada em 2016 com o intuito de fazer avançar a internacionalização da Unichristus. A COMAI atua de forma integrada junto à Reitoria e a Pró-Reitorias da Unichristus na interação com instituições nacionais e internacionais. Ela tem a missão de planejar, fomentar e acompanhar as políticas de internacionalização da Unichristus, buscando parcerias com organizações brasileiras e internacionais para atender aos acadêmicos e aos professores, considerando como seus pilares o Ensino, a Pesquisa e a Extensão.

A COMAI é gerenciada pelo coordenador Jan Krimphove e tem por principais atribuições:

  • Articular e fomentar acordos de cooperação com instituições de Ensino Superior nacionais e estrangeiras;
  • Promover a mobilidade acadêmica de alunos da Unichristus com instituições estrangeiras e selecionar os intercambistas;
  • Divulgar oportunidades de intercâmbios, cursos acadêmicos e de aprendizado de línguas estrangeiras, eventos, bolsa de estudos e estágios internacionais;
  • Articular parcerias estratégicas para a realização de pesquisas ou ações de extensão em ambientes nacionais e internacionais;
  • Promover a mobilidade de docentes para a formação, o aperfeiçoamento e a participação em pesquisas em ambientes nacionais e internacionais;
  • Receber estudantes, docentes e pesquisadores de IES nacionais e estrangeiras na Unichristus.

estrutura COMAI Unichristus

JAN KRIMPHOVE, MBA
Coordenador de Assuntos Internacionais
E-mail: international@unichristus.edu.br

FERNANDA ANDRADE LIMA
Colaboradora da COMAI
E-mail: international02@unichristus.edu.br

Prof. ANTÔNIO TORQUILHO PRAXEDES, Me
Colaborador da COMAI
Email: interdireito@unichristus.edu.br

Escritório Campus Parque Ecológico
11º andar, sala 1113
Rua João Adolfo Gurgel, 133, Cocó
60192-345 Fortaleza, Brazil
Telefone: +55 85 3265.8230
Agendamento por E-mail: international@unichristus.edu.br
Horários:

segunda-feira das 8h às 20h
terça-feira das 8h às 17h
quarta-feira das 8h às 20h
quinta-feira das 8h às 20h
sexta-feira das 8h às 19h

Escritório Campus Dom Luis
13° andar, sala 1306
Av. Dom Luis, 911, Meireles
60160-230  Fortaleza, Brazil
Telefone: +55 85 3457.5300
Agendamento por E-mail: international@unichristus.edu.br

A Unichristus mantém programas internacionais de intercâmbio desde o ano de 2009 e hoje possui cooperação acadêmica e cientifica com quase 20 universidades em vários países.

RWTH Aachen
RWTH Aachen
Aachen, Alemanha
Medicina / Odontologia
desto university
Universidad de Deusto
Bilbao, Espanha
Direito
Universidade de SevillaUniversidad de Sevilla
Sevilla, Espanha
Acordo Geral

 

Universidade Autónoma de Lisboa
Universidade Autónoma de Lisboa
Lisboa, Portugal
Acordo Geral
logo

Universidade do Algarve
Faro, Portugal
Medicina / Biomedicina / Administração

Universidade da Beira Interior
Universidade da Beira Interior

Covilhã, Portugal
Acordo Geral

 

Universidade Fernando Pessoa
Universidade Fernando Pessoa
Porto, Portugal
Acordo Geral
 

Universidade Nova de Lisboa
Universidade Nova de Lisboa

Lisboa, Portugal
Medicina

Universidade do Porto
Universidade do Porto
Porto, Portugal
Acordo Geral

 

 

Universitat de les Iles Balears
Universitat de les Iles Balears
Palma de Mallorca, Espanha
Acordo Geral

umkc-logo-blue@2x
University of Missouri – Kansas City
Kansas City, USA
Acordo Geral
Universite de Picardie
Université de Picardie Jules Vernes
Amiens, França
Medicina

 

 

Université de Sherbrooke
Université de Sherbrooke
Sherbrooke, Canadá
Medicina

University of Illinois
University of Illinois
Chicago, EUA
Medicina
Waterford Institute of Technology
Waterford Institute of Technology
Waterford, Irlanda
Acordo Geral

 

 

Jackson Memorial Hospital
Jackson Memorial Hospital
Miami, EUA
Medicina

Rennes School of Business
Rennes School of Business
Rennes, França
Administração

Desenvolvimento profissional

  • A experiência de estudar em outro país é um investimento de grande monta para a formação profissional de qualquer estudante. Aprender novas tecnologias e métodos de trabalho faz que as pessoas as quais participam dos programas de mobilidade acadêmica e intercâmbio internacionais retornem ao Brasil com um aporte de conceitos, técnicas e formas de organização socioeconômicas que as destacam no cenário local.
  • Estudar fora pode favorecer o contato com empresas estrangeiras, possibilitando novas oportunidades de trabalho, na modalidade de trainee, estagiário ou de visitante, quer isso ocorra na indústria, quer no mercado de serviços, ampliando as chances de progredir na carreira escolhida.

Oportunidades de aprendizado

  • Estudantes que viajam para o exterior estão imersos em espaços humanos e naturais que proporcionam o aprendizado de novas línguas. Num mundo globalizado, falar pelo menos uma língua estrangeira é essencial para conseguir acumular e operacionalizar mais conhecimentos.
  • Quando se estuda fora do País, podem surgir diversas oportunidades para pôr em prática os conceitos apreendidos em sala de aula, o que ajuda a completar o ciclo do processo de aprendizagem, unindo teoria e prática num mesmo nível.

Desenvolvimento pessoal 

  • Estudar fora proporciona o contato com outras culturas e outros povos, fazendo que estudantes de vários países se reúnam nas universidades e institutos de Ensino Superior, compartilhando arte, conhecimentos e estilos de vida completamente novos. Além disso, viajar e conhecer outros lugares e paisagens expande o campo cognitivo e as percepções sobre a diversidade do meio ambiente social e natural, desenvolvendo, no intercambista, as habilidades de interculturalidade e tolerância num contexto de globalização.
  • Visitar exposições, museus, shows e outras atividades culturais ajuda no aprendizado, garantindo uma formação humanística mais ampla e promovendo um ajuste fino nas experiências sensoriais, racionais e emotivas, solidificando o processo de amadurecimento e preparando para uma vida adulta mais plena.

A maioria dos intercâmbios ocorre semestralmente, e a seleção para cada um dos programas de mobilidade segue as regras definidas em cada um dos editais lançados pela COMAI no website da Unichristus. No caso do Curso de Medicina, os editais para os eletivos internacionais são publicados pela coordenação do curso no Aluno Online.

O número de vagas para cada uma das universidades conveniadas varia de acordo com o curso e a disponibilidade corrente da universidade de destino. Essas e outras informações também estarão publicadas nos editais.

Os critérios de seleção envolvem requisitos de caráter classificatório e eliminatório, como o estabelecimento de índice de rendimento acadêmico (IRA)  mínimo para a participação na seleção, nota nas provas de conhecimentos específicos e de línguas.

Dependendo da universidade de destino, poderá ser exigida a entrega de certificado de proficiência linguística, de acordo com a língua oficial da universidade de destino (TOELF / IELTS para o inglês; DELF para o francês; DELE para o espanhol; CILS para o italiano; TestDaF para o alemão e assim por diante) ou prova de língua estrangeira, a ser realizada internamente pela COMAI, com níveis de compreensão de texto, produção de textos escritos, comprensão e habilidade de comunicação oral.

Na seleção dos candidatos para os programas de mobilidade, podem ser exigidas as seguintes formalidades:

  • Atendimento a todos os pré-requisitos e aos prazos dos Editais de mobilidade e intercâmbios.
  • Preenchimento e entrega dos formulários MA (Mobilidade Acadêmica) da Unichristus na COMAI.
  • Envio de ficha de inscrição, plano de estudos, certificado de língua, seguro internacional, cópia do passaporte para a universidade de destino e, eventualmente, outros documentos exigidos pela universidade estrangeira, nos prazos estabelecidos nos editais.
  • É importante reforçar que o candidato deve possuir documento internacional de viagem válido (passaporte) para que possa  participar da seleção dos programas de intercâmbio e mobilidade.
  • A decisão final sobre a aceitação do candidato é de responsabilidade exclusiva da universidade de destino.

Editais para Mobilidade no Semestre 2018.1

Se não encontrar sua resposta aqui, entre em contato conosco no e-mail: international@unichristus.edu.br.

  1. Quem pode se candidatar aos programas de mobilidade?
  • No momento, somente os alunos regularmente matriculados nos seguintes cursos de graduação da Unichristus, conforme disponibilidade de vagas e convênios: Administração, Arquitetura e Urbanismo, Biomedicina, Direito, Enfermagem, Engenharia Civil, Engenharia de Produção, Fisioterapia, Medicina, Nutrição, Odontologia, Psicologia e Sistemas de Informação.

 

  1. Quais são os pré-requisitos mínimos para que um(a) aluno(a) possa participar de um programa de mobilidade?
  • Estar em dia com os pagamentos das mensalidades e regularmente matriculado(a) em algum curso contemplado com vagas ou convênio de mobilidade.
  • Ter completado todas as disciplinas do 1º e do 2º semestre de seu curso, sem nenhuma pendência.
  • Encontrar-se cursando, no momento das inscrições, o semestre mínimo definido em cada edital, de acordo com o curso (geralmente o 3º ou 4º semestre).
  • Encontrar-se cursando, no máximo, o antepenúltimo semestre de seu curso.

 

  1. É preciso dominar a língua do país de destino?
  • No caso de países de língua estrangeira, são necessários conhecimentos linguísticos entre intermediário e avançado, conforme as determinações específicas de cada universidade estrangeira conveniada.
  • Essas informações estão sempre contidas nos editais de cada seleção da mobilidade.
  • Algumas universidades estrangeiras exigem certificados de conhecimento de línguas estrangeiras (ex: IELTS, TOEFL, DELE, DELF, CILS, TestDAF etc), que possuem validade de 2 anos e precisam ser renovados a cada período.

 

  1. Se eu for estudar num país que possua língua estrangeira e não tenha competência linguística para esse país, terei sucesso no meu intercâmbio?
  • O mais provavél é que não: os programas de mobilidade têm por fundamento o ensino de conteúdos acadêmicos na língua do país receptor, devendo o aluno participante do programa sair do Brasil com os conhecimentos intermediários que o possibilite de entender o conteúdo das aulas de seu curso ministrado em língua estrangeira.

 

  1. Qual a duração dos programas de mobilidade?
  • Normalmente, os programas de mobilidade têm duração de 1 semestre, o que corresponde a um período previsto entre 4 e 6 meses, dependendo da universidade de destino.
  • Algumas universidades contemplam a possibilidade de participação em programa de mobilidade por 2 semestres.
  • Algumas universidades conveniadas oferencem “escolas de verão” (summer schools), com duração de 4 a 8 semanas. Essas escolas podem ministrar cursos de línguas, conhecimentos específicos e atividades complementares.
  • Os eletivos do Curso de Medicina têm duração de 1 mês.

 

  1. Qual o melhor período para fazer o intercâmbio?
  • O melhor período para fazer o intercâmbio num programa de mobilidade é no meio do curso. Nesse período, o aluno já terá cursado as disciplinas básicas e estará apto a entender melhor assuntos mais complexos que serão apresentados em língua estrangeira.
  • O aluno interessado deverá ficar atento aos limites mínimo e máximo dos semestres que o autorizam a participar dos intercâmbios.

 

  1. Posso viajar sem visto de estudante para estudar na Europa e nos Estados Unidos da América (EUA)?
  • De acordo com as regras gerais, todos os países da União Europeia exigem a aquisição de visto de estudante e para estadias de mais de 90 dias.
  • Todos os vistos devem ser requeridos no Brasil, junto aos consulados dos países das universidades estrangeiras.
  • Dos países com os quais a Unichristus possui relações de intercâmbio e mobilidade, a Irlanda é o único país que não exige a emissão de visto de estudo prévio (o visto pode ser emitido naquele país, após a chegada).
  • Nos EUA, todos os estudantes têm de possuir um visto emitido antecipadamente.
  • Atenção: a emissão do visto é um assunto de soberania do país de destino, podendo ser recusado sem nenhuma justificativa prévia ou posterior pelas autoridades diplomáticas dos países estrangeiros.

 

  1. A emissão dos vistos de estudante demora quanto tempo?
  • Não há como ter certeza, pois isso depende da demanda de vistos que são pedidos nos consulados.
  • O normal é que o pedido de visto demore, no mínimo, 2 (dois) meses..
  • Para Portugal e  para os EUA, essa demora pode ser bem maior e mais burocrática.
  • Para a Irlanda, a emissão do visto é dada na chegada do estudante, no aeroporto, com a apresentação dos documentos informados no consulado.

 

  1. Enquanto estarei estudando fora, como fica meu vínculo institucional com a Unichristus?
  • Durante a permanência no exterior, o discente deverá proceder ao pagamento de sua matrícula institucional na Unichristus, estando desobrigado de pagar apenas as mensalidades.
  • Para efetuar o pagamento e proceder à matrícula institucional, o discente deverá nomear um procurador ou seu responsável financeiro ou familiar, para que estes possam garantir a vaga do discente na Unichristus.

 

  1. Posso transferir meu curso para a universidade parceira com a qual a Unichristus possui convênio?
  • Não. Todos os convênios assinados entre a Unichristus e as universidades estrangeiras proíbem a transferência permanente de alunos.

 

  1. Como é a escolha e o aproveitamento das disciplinas que irei cursar no exterior?
  • No universidade parceira do exterior, o(a) aluno(a) deverá escolher as disciplinas listadas no website do curso ao qual está vinculado e que tenham conexão com as disciplinas ofertadas na Unichristus, devendo seguir as orientações específicas da sua coordenação de curso na Unichristus.
  • Deverá eleger no mínimo 3 disciplinas da grade curricular da universidade parceira e, quando retornar ao Brasil, requisitar o aproveitamento das disciplinas cursadas, de acordo com as  orientações prévias da coordenação de seu curso na Unichristus.
  • Atividades complementares (de ensino, extensão e pesquisa) também poderão ser aproveitadas pela Unichristus.
  • Todos os pedidos de aproveitamento têm de vir acompanhados de documentos comprovantes emitidos pelos órgãos internos da universidade conveniada.

 

  1. A Unichristus fornece bolsas de estudo ou outros tipos de subsídios durante a minha estadia no exterior?
  • Não. A Unichristus não possui nenhum programa de bolsas, nem paga nenhuma despesa do aluno relacionada aos programas de mobilidade e intercâmbio.
  • Obs: algumas universidades públicas ou sem fins lucrativos podem isentar os alunos do pagamento das mensalidades ou semestralidades durante o período de estadia do aluno Unichristus no exterior. Mas isso fica a critério dessas universidades.
  • A Unichristus poderá informar aos alunos interessados quais são as universidades no exterior que possuem acordo de não pagamento de mensalidades e semestralidades. Mas as outras despesas com acomodação, moradia, passagens e deslocamentos são por conta do aluno.

 

  1. O Governo brasileiro possui algum tipo de subsídio para alunos que desejem estudar no exterior?
  • Não. Todos os programas governamentais de bolsas de estudo para a graduação foram suspensos.

 

  1. Se eu ficar reprovado nas disciplinas que escolhi estudar no exterior, serei reembolsado pelas minhas despesas?
  • De maneira alguma o aluno poderá requerer o reembolso de suas despesas efetuadas no exterior.
  • A participação nos programas de mobilidade e intercâmbio é uma decisão a ser tomada pelo aluno, de maneira adulta e independente.
  • Toda a responsabilidade pelo fiel cumprimento do plano de estudos, esforço para estudar as disciplinas e aplicação para as provas é de inteira responsabilidade do aluno.

 

  1. A Unichristus ou a universidade estrangeira fornecerão materiais de estudo, livros e outros tipos de aparatos para a realização dos meus estudos?
  • Não. Todas as despesas com livros, apostilas e materiais de estudo serão por conta do aluno que participe do intercâmbio.
  • Eventualmente, as universidades parceiras podem oferecer algum material de apoio digital, em seus recursos on-line, mas isso não é uma obrigação da instituição de ensino parceira da Unichristus.

 

  1. A Unichristus ou a universidade parceira têm obrigação de procurar acomodações para mim no exterior?
  • Não. Esse serviço não está incluso e não é uma obrigação da Unichristus nem da universidade de acolhimento.
  • O aluno possui uma série de mecanismos que favorecem a escolha de um lugar para morar: páginas de internet que trabalham com aluguel de imóveis e quartos, instituições de representação estudantil que dão indicações de apartamentos e/ou quartos para alugar etc.
  • Em algumas universidades parceiras, existem acomodações para estudantes, mas as vagas são prioritárias para os estudantes nacionais daquele país, isto é, se sobrarem vagas, elas poderão ser ofertadas para os estudantes estrangeiros.

 

  1. A Unichristus organiza o meu plano de viagens, com venda de passagens, acomodação em hotéis, alimentação e outros serviços?
  • Todas as respostas são negativas: a Unichristus não é uma agência de viagens  nem mantém nenhuma parceria com nenhuma agência de viagem.
  • A responsabilidade pela compra de passagens, pelo  deslocamento entre aeroporto, residência e Universidade é de inteira responsabilidade do aluno.
  • A Unichristus poderá ajudar o  aluno a conseguir uma acomodação no estrangeiro, mas somente nos casos em que as universidades parceiras possuam alojamento próprio ou outras informações sobre acomodação. Esse contato deverá ser feito meses antes da ida do aluno de intercâmbio até o seu destino final.
  • O normal é o aluno se dirigir ao serviço de recepção de estudantes internacionais da universidade de destino e requisitar essas informações, por telefone ou e-mail, antes de executar a sua viagem ao exterior.

 

  1. Durante a estadia, se eu precisar de algum tipo de apoio, quem devo procurar?
  • Em primeiro lugar, o aluno deverá contactar o serviço de apoio a estudantes internacionais da instituição estrangeira na qual está matriculado.
  • Caso não consiga obter uma resposta, deverá entrar em contato com o setor internacional da Unichristus, por meio do endereço eletrônico international@unichristus.edu.br.

 

Conceitos MEC

Conceitos MEC

Arquivos

Categorias

Acesso Rápido

  • estágios
  • abed
  • revista saude Unichristus
  • gestao-analise
  • opiniao-juridica
  • Selo-PROUNI
  • Selo-ABEM

Mídias Sociais

Unichristus
Unichristus 2015. Todos os direitos reservados.